Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

O autoatendimento é uma ferramenta importante e muito utilizada no mercado, principalmente para que se consiga obter o retorno ideal e também todo o tipo de suporte indicado de fato.

Essa é uma forma de o cliente conseguir o que precisa em termos de informação e até mesmo solucionar os seus próprios problemas de maneira mais rápida e efetiva, conseguindo agilidade no processo.

Entendendo a importância dessa ferramenta vou trazer mais informações sobre, de maneira que você consiga trabalhar com esse método de uma forma mais assertiva e consiga oferecer para o seu cliente o atendimento necessário.

Por que investir em autoatendimento?

O atendimento define o que é a empresa, e de que maneira ela lida com problemas, desde os mais simples até os mais complexos, conseguindo dar conta de informações que podem surgir espontaneamente.

Muitos dos casos podem ser solucionados pelo próprio cliente, desde que ele seja bem instruído e consiga também acessar as respostas que busca, para que esse apoio possa trazer o resultado indicado.

Se ele consegue resolver o seu problema sozinho, ganha tempo, e assim a satisfação com relação ao atendimento e suporte passa a ser muito positiva, o que garante um bom posicionamento da empresa no mercado de um modo geral.

Quais são os benefícios

Como dito, um auto atendimento pode fazer com que o cliente ganhe tempo frente a um problema simples, e isso é bem visto, já que ele não fica esperando por atendimento por muito tempo.

Esse já é um ponto que pode ser destacado e que faz diferença, já que o índice de satisfação pode ser positivo, tendo em vista a boa experiência que se tem nesse tipo de situação.

Além disso é possível não ter que mobilizar uma equipe ou mesmo a possibilidade de não ter que dar atenção e suporte presencial a algum problema de ordem simples, que pode ser resolvido rapidamente e sem perda de tempo.

Dessa maneira você tem acesso somente aos casos que de fato demandam uma atenção especial e que precisam ser trabalhados de maneira separada.

Tipos de autoatendimento

Existem alguns canais de autoatendimento que são comumente utilizados em diversas empresas, e costumam dar conta de processos, desde os mais simples.

A seguir vou trazer os tipos mais comuns e utilizados para que você saiba com qual contar e as possibilidades de atendimentos.

Chatbot

O chatbot é uma das ferramentas para autoatendimento, contando com um robô que conversa com você, e que pode dar o suporte adequado para o que você precisa no momento.

Com ele o cliente interage diretamente, dizendo qual a sua dúvida, e geralmente tem as informações prontas para o que precisa de fato, conseguindo o tipo de suporte que é necessário de uma maneira geral.

Muitas vezes o chatbot é suficiente, seja para informações simples, ou para algo que demanda um atendimento mais complexo, mas que um robô consegue operar, sem a necessidade de atendimento humano.

URA

A URA é também uma ferramenta muito comum, já que conta com um telemarketing voltado especificamente para suporte.

O diferencial é que antes você tem uma série de protocolos, sendo direcionado especificamente para o setor o qual pode resolver o seu problema em questão, tendo um encaminhamento mais direcionado.

Em alguns casos o autoatendimento via URA pode ser suficiente quando este traz informações relevantes sobre o que procura.

Caso não seja possível, você é direcionado especificamente para o setor responsável, o que costuma dar mais agilidade ao atendimento e à solução do problema em si.

Portal

Outra modalidade comum é o portal de atendimento, onde você tem informações mais detalhadas e uma comunicação que tende a ser mais fluída, tendo um detalhamento muito maior de informações.

Nos portais você vai diretamente para o seu problema, tendo respostas prontas, o que pode ser útil em muitos casos.

Se não for o suficiente você tem o suporte adequado de cada setor, acompanhando o progresso, com números de protocolos de atendimento e informações mais completas sobre.

Esses canais tendem a ser mais completos pois reúnem as informações de outros clientes também, de modo que você tenha um suporte mais rápido e mais ágil do que o comum.

InSelf Service

O InSelf Service, sistema utilizado no nikevoce.com.br é um sistema de autoatendimento feito pela InHouse.

Lá você tem um exemplo claro de como isso pode ser acessado, com cada solicitação, e principalmente com os retornos possíveis.

A separação por categorias também facilita a circulação do cliente na página de ajuda, e isso auxilia no seu objetivo final, tendo um apoio ideal para o tipo de situação.

Esse é um exemplo do que deve ser observado por um sistema de autoatendimento, e o que ele deve de fato oferecer para os seus clientes.

Busque uma empresa competente

Uma empresa que sabe como operar no atendimento ao cliente, e consegue fazer sistemas como o InSelf Service é fundamental para que o cliente consiga atingir o principal objetivo.

Esses sistemas precisam conversar com o cliente, oferecer soluções e sem a burocracia que normalmente acontece nos atendimentos convencionais.

Ter uma empresa especializada nisso pode fazer uma grande diferença, tendo em vista as possibilidades de ter um ótimo índice de satisfação com relação a atendimento ao cliente.

Conhecendo mais sobre você pode contar com esse suporte para que tenha o cuidado com a experiência do cliente para a solução de problemas, sejam eles simples, que ele mesmo pode resolver, ou mais complexos, que necessitam de um suporte do setor especializado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confira outros posts do blog
que podem te interessar...

Este website usa cookies para garantir uma experiência melhor e personalizada.
Você navegando no site, assume que está consciente de nossa política de privacidade.